MEUS COMENTÁRIOS O DR. FALA

Pois é Indignado vi o comentário desse radialista. Como ele mesmo falou: ” o bandido se transformou em vítima e a vítima se tran sformou em estatística. A família de vagabundos são indenizadas”. Não sabemos ao certo se isso é loucura, irresponsabilidade ou inconsequência. Presisamos observar as verdadeiras causas dessas mazelas e, estas não estão na simples incompetência do Estado em gerir a coisa pública, o problema vai além… Utilizando uma simples comparação podemos perceber que as grandes potências do mundo, tais como a Alemanha e Japão após terem sofrido grandes tormentas investiram tudo que tinham na educação das suas crianças; resultado: Nações prósperas. Fácil né, basta educar as crianças e não precisaremos punir nem indenizar as famílias dos meliantes criminosos. A solução apenas será iniciada quando houver a disposição de investir tudo que o Estado brasileiro tem em educação. Apenas assim, seremos capazes de evitar o Caus social e o mal estar transvertido no discurso imoral do políticos que além de nada fazerem, ratificam o descaso do governo com seus administrados. Conserto tem, esperamos que um dia nossos netos possam viver em um lugar mais justo, harmonioso e, quem sabe, até solidário.

ESTE JUIZ É DOS BONS
“Direitos humanos”

“Quando eu era Juiz da Infância e Juventude em Montes Claros, norte de Minas Gerais, em 1993, não havia instituição adequada para acolher menores infratores. Havia uma quadrilha de três adolescentes praticando reiterados assaltos. A polícia prendia, eu tinha de soltá-los. Depois da enésima reincidência, valendo-me de um precedente do Superior Tribunal de Justiça, determinei o recolhimento dos “pequenos” assaltantes à cadeia pública, em cela separada dos presos maiores. Recebi a visita de uma comitiva de defensores dos direitos humanos (por coincidência, três militantes). Exigiam que eu liberasse os menores. Neguei. Ameaçaram denunciar-me à imprensa nacional, à Corregedoria de Justiça e até à ONU. Retruquei para não irem tão longe, mas tinha solução. Chamei o escrivão e ordenei a lavratura de três termos de guarda: cada qual levaria um dos menores preso para casa, com toda a responsabilidade delegada pelo juiz. Pernas para que te quero! Mal se despediram e saíram correndo do fórum. Não me denunciaram a entidade alguma, não ficaram com os menores, não me “honraram” mais com suas visitas e… os menores ficaram presos. É assim que funciona a “esquerda caviar”. Tenho uma sugestão ao Professor Paulo Sérgio Pinheiro, ao jornalista Jânio de Freitas, à nova Secretária Flávia Piovesan e a outros tantos defensores dos “direitos humanos” no Brasil. Criemos o programa social “Adote um Preso”. Cada cidadão aderente levaria para casa um preso carente de direitos humanos. Os benfeitores ficariam de bem com suas consciências e ajudariam, filantropicamente, a sociedade a solucionar o problema carcerário do país. Sem desconto no Imposto de Renda,” é claro.

ROGÉRIO MEDEIROS GARCIA DE LIMA – Desembargador – Belo Horizonte – MG)”.

Se você também concorda, passe esta ideia à frente. É uma boa forma de praticar Direitos Humanos, neste País.
Tenho um testemunho a dar. Até o Ano de 2010 vivia um sono acordado, achava que estava acordado mas, não estava. Pensava, que ler a Bíblia era coisa de Evangélico fanático que só falava em dízimo. Daí, veio um momento de muito sofrimento. Nada dava certo, a vida parecia que tinha virado ao avesso. Nessa oportunidade, no alge do meu desespero, por curiosidade comecei a ler a Bíblia justamente pela Genesis. Comecei a compreender a vida de uma forma diferente. Nada em minha volta mudou. Nenhuma pessoa mudou…. Mas, eu mudei. Passei a enxergar as coisas de outra forma. Comecei a perceber o lado obscuro e perverso das pessoas que até aquele instante, não conhecia. Lendo a Bíblia tive a imensa alegria em transformar a minha vida em um Centro de oportunidades. A Bíblia não é um instrumento mágico de felicidade, é um meio de leitura que nos leva a refletir sobre nossa própria conduta. Os fatos revelados no Livro Sagrado impõe uma analogia simples com os dias atuais. Nada mudou. A humanidade continua a mesma mas, você pode ter uma postura mais feliz diante de tantas aberrações. Foi o livro mais maravilhoso quem já li. Nada se compara aos ensinamentos de Jesus. Nada é tão eterno, límpido e cristalino como o amor de DEUS. Este que é a inteligência suprema, causa primária de todas as coisas, eterno, imutável, imaterial, único, soberano, justo e bom. A vocês queridos amigos se permitam ler essa maravilha. 👏

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s